terça-feira, 17 de agosto de 2010

despedida?



Lembro - me até hoje, daquela segunda - feira dia 07/06 ás 07:06 da manhã quando eu já estava acordada por causa da tua mensagem, mais foi exatamente nessa hora que tu me disse pela primeira vez que me queria, foi o melhor jeito que alguém poderia me acordar, foi o melhor inicio de dia da minha vida, com aquelas mensagens cheias de certeza que nós nos trocamos já pela manhã, depois daquilo tudo foi tão bem, tudo correu tão bem, mais ainda nos tratávamos como antigamente, com aquelas briguinhas, aqueles xingamentos que eram um jeito carinhoso de nos tratarmos, ainda não havia acontecido nada, apenas palavras, todos finais de semana eu aparecia a onde estava nossos amigos somente por um motivo TE VER, nós conversávamos, nós brigávamos de brincadeira, e tu sentava do meu lado pra jogar no meu celular, ficava resmungando quando perdia, e quando simplesmente não queria mais jogar ficava me apertando, ou falando de meninas e quando eu me irritava e me levantava pra sair tu rapidamente me puxava e me mandava ficar, segurava minha mão entre nossos corpos quando estávamos sentados, aquilo me deixava feliz, apenas gestos me fizeram felizes parecia que nunca iria acabar, treze dias se passaram, finalmente algo aconteceu, foi como o primeiro dia que tu falo que me queria,ou até melhor, ficamos bem durante um mês, aquilo pra mim era a melhor coisa que estava acontecendo na minha vida, era totalmente difícil de explicar, porque eu gostei de ti por dois anos sem ao menos ser correspondida e agora depois de  tanto tempo eu consegui, teus carinhos, teus abraços e teus beijos, eu tinha tanto medo de te perder mesmo tu não sendo meu, quando tu passava por mim e não me dava se quer um oi me cortava por dentro, eu esperava ansiosamente o fim de semana pra mim poder te ter. 
Dia 07/08 eu pude ter cometido o maior erro da minha vida, mais não porque eu quis, não tive culpa, e mesmo assim você veio atrás de mim, aquela noite pode ter sido a melhor que eu passei contigo, tudo parecia melhor, tudo parecia mais claro, mais mal eu podia saber que aquilo seria uma despedida, um simples eu não te quero mais, talvez eu possa estar enganada, muitos finais de semana virão, mais sabe se la, o que você vai resolver fazer, talvez já esteja encontrado outra, mais uma coisa que sempre estará dentro de mim, é as lembranças contigo, todas as coisas, aquelas tuas piadas mais sem graças que por algum motivo me faziam rir, o meu amor por ti daqui um tempo pode minimizar porque acabar será impossível, porque querendo ou não tu sempre será o primeiro, e isso não tem como mudar e se tivesse eu JAMAIS mudaria, porque o meu amor por ti é incomparável, é mais que qualquer coisa, e aquelas mensagens eu releio todos os dias, é uma forma de te ter perto de mim através do passado! 
Talvez foram as unicas provas concretas que algum dia , sabe se la o porque eu te tive, por pouco tempo, ou de um jeito meio diferente, MAIS EU TE TIVE, e por mim eu queriar te ter por resto da minha vida, não quero que você vá embora, não vá fique comigo, todas as noites e todos os dias.

1 coments!:

manuella camposelli disse...

minha érica filosofando *-*